Juiz Sergio Moro reconhece equívoco ao STF na divulgação dos grampos de Lula e Dilma

moro

Os desdobramentos da Operação Lava Jato incendeiam o País e provocam reações populares seja a favor ou contra o Governo Dilma. A divulgação de grampos pela Justiça Federal, autorizada pelo juiz Sérgio Moro, envolvendo conversas da presidente Dilma e o ex-presidente Lula causaram reações de juristas e críticas de membros do STF.

Pois eis que, agora, o juiz Sérgio Moro decidiu se desculpar ao ministro do STF, Teori Zavascki, pelo que chamou de equívoco cometido. Disse que não tinha intenção de provocar  “fato político-partidário, polêmicas ou conflitos”. Digamos que ele, apenas, colocou fogo em gasolina.
Em tempo: o Supremo Tribunal Federal analisa nesta quinta-feira, dia 31 de março, se o juiz federal Sérgio Moro continua como responsável pelas investigações dos inquéritos que envolvem o ex-presidente Lula.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *