Sem reajuste, Sindifort vai consultar servidores sobre possibilidade de paralisação

unnamed (1)

A decisão da Prefeitura de Fortaleza de não conceder reajuste ao funcionalismo este ano por causa da crise econômica, pode resultar em paralisação da categoria como um todo. Pelo menos esta é a perspectiva do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais (Sindifort). O presidente da entidade, Eriston Ferreira, alega que o funcionalismo municipal entregou a proposta de aumento salarial de 13,6% desde dezembro do ano passado e não aceita o argumento de arrocho nos cofres da Prefeitura.

Nos próximos dias deve ser convocada uma assembleia geral dos servidores municipais para tratar do tema. Em reunião com o prefeito Roberto Cláudio, os dirigentes sindicais já foram comunicados que não terão reajuste em 2017.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *