Agosto promete ser de mais gastos com energia. Governo ainda estuda mais arrecadação

dinheiro_calculadora

A ordem no Governo Federal é arrecadar de todo o jeito. E o consumidor pagando a  conta. O mês de agosto promete. As contas de luz terão bandeira vermelha no mês de agosto. A decisão foi anunciada nesta sexta-feira, dia 28 de julho, pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). Com a bandeira vermelha, a tarifa de energia terá cobrança adicional de R$ 3,00 a cada 100 kWh consumidos.

E o ataque aos bolsos do contribuinte não param por aí. Buscando alternativas para evitar um apagão fiscal, o governo começou a discutir maneiras para diminuir despesas e aumentar a arrecadação. Algumas das alternativas encontradas são elevar a contribuição previdenciária dos servidores federais de 11% para 14%, aumentar outros impostos além do PIS/Cofins sobre combustíveis, aumentar os cortes de gastos e ampliar o déficit primário de 2017, cuja meta é um rombo de R$ 139 bilhões. E tome mais arrocho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *