Diretor geral da PF promete encerrar inquéritos da Lava Jato até o fim de 2018

images (71)

O diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segovia, afirma que pretende concluir até o final deste ano as investigações da PF no âmbito dos inquéritos que tramitam no Supremo Tribunal Federal (STF), inclusive nos casos relacionados à Operação Lava Jato e à apuração do suposto pagamento de propina da empresa Rodrimar para o presidente Michel Temer. A promessa foi feita à presidente do STF, ministra Cármen Lúcia.

A Polícia Federal mais que dobrou a equipe da Lava Jato que atua nos inquéritos envolvendo políticos no STF para tentar encerrar as investigações antes das eleições deste ano. Segovia autorizou o nomeação de mais oito delegados, sete escrivães e 17 analistas para atuar no Grupo de Inquérito, responsável pelas 273 investigações em andamento na Corte.

A postura de Segóvia tem sido de apressar a conclusão dos inquéritos. O que não se sabe, no entanto, é até que ponto essa pressa pode ser uma forma de deixar de fora das apurações um ou outro político aliado do atual presidente Michel Temer.

Quem quer que seja eleito para o Planalto em 2018 terá papel importante de manter a Polícia Federal dotada de estrutura para continuar apurando desvio de conduta e de recursos por parte de autoridades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *