Cenário da corrida presidencial começa a se desenhar para outubro

images (4)

Enquanto Lula não recebe o parecer definitivo se poderá ser ou não candidato, o cenário de concorrentes à Presidência da República em outubro vai se desenhando. O PSDB definiu como pré candidato, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin. A campanha dele deverá ser coordenada em nível nacional pelo senador cearense Tasso Jereissati.

O presidente Michel Temer continua patinando na sua impopularidade. Mesmo assim, deixa claro que tem interesse de concorrer à reeleição pelo MDB. Detalhe é que Temer já foi deixado de lado por vários aliados de ocasião, como o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, que é pré candidato pelo DEM, e pelo próprio ninho tucano que desgarrou do Governo.

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, também quer ser candidato. Mas terá de deixar o Governo ainda este semestre se quiser levar à frente a investida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *