Cresce a avaliação que Temer perdeu o controle para governar até o fim do mandato

unnamed (4)

Nos bastidores políticos em Brasília, cresce a avaliação que o presidente Michel Temer está perdendo o controle do País diante da crise provocada pela greve dos caminhoneiros. O País passa por uma grave situação de desabastecimento.

Aliados de Michel Temer no Congresso Nacional e ministros do Supremo Tribunal Federal afirmam que o governo atingiu um nível extremo de enfraquecimento político, não descartando, em caso de piora na situação, o risco de a gestão não conseguir se sustentar nos sete meses que lhe restam.

Temer completou no último dia 12 dois anos de governo como o presidente, na média, mais impopular desde pelo menos a gestão de José Sarney (1985-1990).

A continuidade da greve dos caminhoneiros e o surgimento de outros movimentos envolvendo outras categorias deixam claro que Temer e seu grupo político não terão mais “folga” até às eleições de outubro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *