Governo Federal prepara remanejamento de mais de 1 milhão de servidores públicos

captura-de-tela-2018-01-14-as-07-36-21-600x310

Servidores federais podem ser surpreendidos com transferências de órgãos a serem desencadeadas nos próximos meses pelo Governo Temer.
O Ministério do Planejamento publicou, nesta quarta-feira, dia 4 de julho, uma portaria com regras que permitem a realocação obrigatória de pessoal e tira o poder de veto dos órgãos à mudanças.
A medida tem potencial para atingir 1 milhão e 180 mil de servidores federais em todo o País.
Pelas regras atuais, o funcionário público muda de local de trabalho quando tem proposta para assumir cargo comissionado, e a transferência depende de anuência do órgão original.
O novo texto prevê que órgãos da administração direta, como os ministérios, e empresas que dependem de repasses do Tesouro Nacional, como a EBC (Empresa Brasil de Comunicação) e Conab (Companhia Nacional de Abastecimento), não terão poder de veto às transferências determinadas pelo Governo Federal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *