Prefeito e vice de Tianguá têm diplomas cassados pelo TRE, mas ainda permanecem nos cargos

image

Novo clima de instabilidade política no município serrano de Tianguá, na Zona Norte do Ceará. O prefeito de Tianguá, José Jaydson Saraiva de Aguiar, e o vice, Mardes Ramos de Oliveira, vitoriosos na eleição suplementar realizada em junho deste ano, tiveram os diplomas cassados por unanimidade pela Corte do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará, em sessão realizada nesta terça-feira, dia 30 de outubro. No entanto, os gestores permanecem nos cargos até confirmação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
Em 22 de maio, um dia após o deferimento do registro de candidatura de José Jaydson e Mardes Ramos para as eleições suplementares do dia 3 de junho, o TRE-CE julgou Ação de Investigação Judicial Eleitoral. Os juízes mantiveram pena de inelegibilidade por oito anos contra José Jaydson, por abuso de poder econômico e político, quando disputou as Eleições de 2016.

Tianguá passou por novas eleições após o indeferimento do registro de candidatura do então prefeito Luiz Menezes de Lima e do vice Aroldo Cardoso Portela, durante as Eleições de 2016.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *