Tribunal de Justiça vai leiloar imóveis no interior do Ceará que serviam de moradia para juízes

7

Com a extinção do auxílio-moradia, a Justiça brasileira deve se desfazer ainda mais de imóveis que estão subutilizados. No Ceará, o Tribunal de Justiça do Estado quer vender 457 imóveis. A proposta está na Assembleia Legislativa desde o fim do mês passado, assinada pelo presidente do TJCE, desembargador Gladyson Pontes.

Muitos dos imóveis pertencentes ao Tribunal  estariam sem uso e gerando despesas com manutenção, inclusive casas construídas para magistrados.

A matéria está na Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público do Legislativo Estadual, aguardando a designação de relator, mas deve ser votado em regime de urgência.
De acordo com a matéria, os imóveis dos quais a Corte pretende se desfazer foram construídos para abrigar juízes em comarcas do Interior e o funcionamento dos próprios fóruns.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *