Camilo Santana já tem 15 secretários estaduais definidos. Lista ainda está incompleta

images (72)

O governador Camilo Santana vai montando, aos poucos, o novo secretariado. O processo parece ser lento, porque exige a definição de nomes com critério técnico, mas também que contemple os principais aliados políticos. Boa parte dos secretários já é de conhecimento público, porque o próprio Camilo divulgou ou o convidado revelou à imprensa.

Lúcio Ferreira Gomes, que é irmão de Ciro e Cid Gomes, está assegurado na Secretaria da Infraestrutura do Estado (Seinfra). Mauro Filho deixa a Fazenda e passa a ser secretário de Planejamento e Gestão. Arialdo Pinho continua no Turismo. Fabiano Piúba segue na Cultura.

Pelo menos 15 secretários estão definidos: Casa Civil fica com Élcio Batista; a Fazenda passa para Fernanda Pacobahyba; Desenvolvimento Econômico com Maia Júnior; Saúde com Carlos Roberto Martins Rodrigues; na Segurança Pública segue André Costa; Sistema Penitenciário com Luís Mauro Albuquerque; Desenvolvimento Agrário com De Assis Diniz; Proteção Social será a nova pasta de Socorro França; Comunicações com Chagas Vieira; Articulação Política, com Nelson Martins; e Relações Internacionais, com César Ribeiro. As três últimas pastas subordinadas à Casa Civil.

Ainda estão em aberto os nomes para as secretarias de Educação, Cidades, Recursos Hídricos, Procuradoria-Geral do Estado, Esporte e Juventude, Ciência e Tecnologia, Meio Ambiente e Controladoria-Geral de Disciplina de Órgãos de Segurança Público e Sistema Penitenciário.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *