Ciro Gomes dispara contra proposta de Reforma da Previdência sugerida pelo Governo

images (39)

O ex-presidenciável Ciro Gomes (PDT) não perdeu tempo e disparou contra a proposta do Governo Federal em fixar a idade mínima para aposentadoria em 65 anos, tanto para homens, quanto para mulheres.
“Isso é um estilo do Bolsonaro. Essa proposta que vazou para o jornal, como se fosse um acidente, não é uma proposta. Ele está fazendo aquele ‘se colar, colou’, está jogando a proposta com casca e tudo, muito pior, para ter o que negociar”.

Ciro Gomes critica a tentativa de estipular o direito à previdência somente após 40 anos de contribuição. “Nós também não concordamos que determinadas profissões tenham que contribuir o mesmo tempo das outras, porque são profissões atípicas. Por exemplo, um professor não tem como dar 40 anos de aula para merecer o provento integral. Um policial não tem como correr atrás de bandido por 40 anos para ter direito a provento especial”, disse.
O pedetista ainda ressalta a importância de definir condições de aposentadoria diferenciada para algumas profissões. “É preciso respeitar as diferenças do Brasil, que é um país muito desigual. Por exemplo, nosso projeto não aceita que se imponha ao trabalhador rural a mesma idade mínima que se dá ao trabalhador engravatado do ar-condicionado”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *